Confesso que sempre fico na dúvida: qual melhor leite consumir? Já ouvi falar que desnatado é melhor porque tem menos gordura. Integral é ruim para quem faz dieta. Enfim, dizem muita coisa, mas fico insegura mesmo. E essa é uma dúvida bem geral. Então para acabar de vez com isso, o Casa Casada fez ‘aquela’ consulta à nutricionista Neuza Cavalcanti, colaboradora do blog que está de volta com dicas bem valiosas! Espero que vocês fiquem tranquilos depois de ler o que ela disse…

“Estudos mostram que uma alimentação pobre em leites e derivados aumenta a incidência de obesidade, pois o cálcio ajuda na lipólise (quebra de gorduras), ajudando no emagrecimento. Os laticínios são as maiores fontes de cálcio, que também são de grande importância para os ossos, prevenindo assim a osteoporose. Todos os tipos de leite (desnatado, semi-desnatado ou integral) são igualmente ricos em cálcio, e também fontes de proteína de alto valor biológico, ou seja, tem todos os aminoácidos que o organismo necessita além de possuírem vitaminas e outros minerais. A diferença entre esses três tipos de leite é no teor de gorduras. O leite integral tem toda a gordura preservada, sendo rico em gordura saturada que aumenta o LDL ( colesterol ruim) e que pode formar placas de gorduras nas artérias, aumentando o risco de doença cardiovasculares. O leite desnatado tem zero de gordura, e o leite semi-desnatado tem uma redução considerável de gordura”, disse Neuza.

 

INDICAÇÃO: O leite integral é ideal para crianças, adolescentes e adultos que não tenham colesterol alto. O leite desnatado é ideal para quem tem colesterol alto, que quer emagrecer, ou mesmo manter peso ou prevenir aumento de colesterol. O leite semi- desnatado é ideal para quem precisa de um leite mais magro e não gosta do sabor do desnatado, pois o sabor do semi-desnatado é parecido com o integral e o seu teor de gordura fica próximo do desnatado, tem 02 gramas de gordura , enquanto o integral tem 06 gramas.

CONTRA-INDICAÇÃO: Não pode tomar leite quem tem alergia a proteína do leite de vaca ou quem é intolerante a lactose ( açúcar do leite). Já existe no mercado leite com baixo teor de lactose para os intolerantes a lactose. As pessoa que tem rinite, bronquite e asma devem tomar uma quantidade menor de leite, porque ele aumenta a produção de muco.

O consumo para quem não tem contra-indicação é 03 porções ao dia que pode ser qualquer fonte de laticínios ( 01 fatia média de  queijo de preferência branco, 01 copo de leite, 01 copo de  iogurte por exemplo), ou seja não precisa ser as 03 porções só de leite, podendo variar. Todos esses são ricos dos mesmos nutrientes do leite, sendo que o queijo tem o teor de lactose quase  zero, e o  iogurte no processo de fermentação parte da lactose é transformada em ácido lático.

Gostaram leitores do Casa Casada? Eu amei. Como aqui em casa ninguém tem colesterol alto não compro mais desnatado e passei para o semi-desnatado. E vocês?

Gostou do meu post? Então compartilhe!